Konark

 

Levantei-me da mesa e caminhei por entre as pessoas sentadas. Havia algo de estranho, algo fora de sítio, deslocado no tempo, talvez as vestes e modos de outra era, num ambiente ruidoso de talheres, copos, conversas. Estou sem máscara, pensei, aliás, ninguém tem máscara, e procurava em cada rosto o ar de espanto, o olhar inquisitivo, ou um dedo apontado, mas ninguém se incomodava de me verem deambular perdido entre as mesas desmascarado. Por fim dei com a casa de banho, um misto de ruína de banhos romanos e templo do sol de Konark, decorado com as suas esculturas eróticas. Não havia separação entre damas e cavalheiros, só um espaço amplo e mal iluminado, com cavidades que pela altura a que se encontravam, forneciam pistas para a sua utilidade. Ainda estava a sacudir as últimas gotas quando duas raparigas entraram, distraídas com alguma coisa, a falarem entre si muito alto. Não entendia muito bem o que diziam, mas quando me viram ficaram ainda mais histéricas, agitando pequenos blocos à minha frente. Também elas não usavam máscaras e não pareciam minimamente preocupadas com o facto de nem ter lavado as mãos, insistindo nervosamente num autógrafo. Só que em vez disso, libertei-as dos blocos e canetas, e sei lá eu porquê, preguei um beijo na boca a cada uma.

Que saudades dos beijos. 




nota: tenho de diminuir aos líquidos antes de me deitar. 


Comentários

  1. nota: Para a vontade de ir ao WC durante a noite, não te dar cabo dos sonhos? :)

    Bom dia afilhado mailindo, cuida-te, não tires a máscara, nem nos sonhos ,que a coisa vai de mal a pior.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ultimamente passo parte dos sonhos ou à procura, ou numa casa de banho... mas este nem foi assim tão mau.
      Também te cuida madrinha. beijos e bom dia.

      Eliminar
  2. Estranhaste tudo menos o facto de pedirem autógrafos...hum...


    ResponderEliminar
  3. No meio do empolgamento do sonho e dos beijos...mijaste-te todo, tá-se mesmo a ver!

    Eheheheheh

    Beijos, Manel sonhador.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ainda nã aconteceu... mas temo que seja uma possibilidade
      beijos, bom fim de semana

      Eliminar
  4. Ter saudade de beijos e sonhar com rostos sem máscaras, é normal, mas casas de banho...
    Cuide-se amigo.
    Abraço, saúde e bom domingo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. pensei que seria uma coisa normal, mas parece que nã... lá está, tenho de cortar nos líquidos :)
      bom domingo, saúde, proteja-se, um abraço

      Eliminar
  5. Ultimamente tenho tomado chá a seguir ao jantar, mas janto cedo e assim o efeito diurético dá-se ainda antes de ir dormir. De qualquer maneira raramente me lembro do que sonho.
    :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. pois, levo o chá comigo para a cama e bebo mesmo antes de adormecer... é espectável que faça visitas ao wc durante a noite, nem que seja só em sonhos :)

      Eliminar
  6. Por falar em sonhos, gostei da imagem de cabeçalho. Que inveja, mar a perder de vista!

    Mar e liberdade.

    Sandra Martins

    ResponderEliminar
  7. E não só- Há mais seres a ter mar a perder de vista e liberdade.

    Também tenho os meus sonhos.

    A baleia tem a vantagem de já o ser. Ninguém lhe diz "olha, estás mais gordinha".

    Abraço Sr Polvo,

    Sandra Martins

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. nã há ser em todo o oceano que respeite mais do que a baleia... aliás, se me dessem a escolher, seria um cachalote

      Eliminar
  8. Nos Açores bem que as quis ver mas, as "maganas" não se mostraram. Os golfinhos sim.

    Brincaram imenso, foi muito giro.

    Há muito tempo que não me lembrava disso. Obrigada por isso "Sr das Tempestades"!

    Por causa disso, hoje o "Mau-Tempo" vai parar ao meu pote da gratidão. Espero que não se importe.

    "Abreijo",

    Sandra Martins

    ResponderEliminar

Enviar um comentário