gelatina

 

Um vento frio desorientava as poucas pessoas que aquela hora tentavam voltar a casa, cegas pelos cabelos e casacos abotoados acima dos queixos. Senti-a antes de a ver, como uma catástrofe que se anuncia quando os pássaros levantam voo todos ao mesmo tempo, ou aquele formigueiro no lábio antes do herpes rebentar. Hesitei, mas ela atravessara a rua e caminhava na minha direção. Já te disse que gosto mais de ti sem cornos? Já, várias vezes, respondi. E este frio? Não podes fazer com que chova? Adoro aquela que às vezes semeias, do tipo miudinha que fica a levitar e se prende nos cabelos sem molhar. E dizendo isto aproximou-se e num gesto inesperado, beijou-me. Então tudo que era tenso e feito de osso, cartilagem, tendão e músculo abaixo do ligamento inguinal, ficou vacilante como gelatina, mas pregado ao chão, na eterna indecisão entre avançar, ou fugir. Ao mesmo tempo que às partes inferiores faltava resistência, perdia também a ligação vinculativa à terra e por cima de nós, no dia que era noite, estalavam raios descontrolados. Então das nuvens amontoadas começou a cair uma chuva fina e tépida, dádiva divina, arrancada por força de ventos de um céu equatorial muito distante. 




Comentários

  1. Raios'parta essa mulher...que mesmo sendo qual «formigueiro no lábio antes do herpes rebentar», te consegue dar a volta...
    Tens de ser mais rígido e firme, Cigano!!

    Mas gostei muito, muito....dessa chuvinha. :))

    Beijocas. :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. apanhou-me de surpresa :)
      ainda bem que gostaste da chuva :) beijos

      Eliminar
  2. Dessa chuvinha até eu gosto, já a senti morna e é tão bom.
    Um amor que faz trovejar e cair chuva tépida é um sonho.
    ~CC~

    ResponderEliminar
  3. Caramba! Nem nas mil e uma noites eheheh

    Beijinho afilhado mailindo

    ResponderEliminar
  4. Se houver um Óscar para os sonhos estranhos, o meu amigo vai ser candidato de certeza.
    Também gosto da chuva miudinha , mas do frio não.
    Abraço, saúde e bom domingo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ehehehehehe, antes fosse um sonho...
      abrigue-se do frio, abraço e boa semana

      Eliminar

Enviar um comentário