hiver


“um post por dia até ao fim do corona" dia 22

As temperaturas subiram aos vinte graus e um céu vibrante convida aos passeios. Desligam-se os radiadores, enquanto o chá arrefece à espera de palavras. Em três meses escrevi tanto como no último ano. A escrita rouba tempo e não me dá o alento da comida. Queria escrever como antigamente, no tempo em que as ideias eram inexperientes, o pensamento não se agarrava a normas e as palavras tinham sabores como chuva e beijos. O prédio está mais silencioso. Gosto do silêncio embora apreciasse algum barulho, saber que outros estão vivos e cumprem tarefas, e que continuam em casa. A vida está pausada, cá dentro e lá fora, para onde a minha vista alcança. A árvore é primavera, o silêncio é inverno. 




Oh oh oh oh, l'hiver indien
Exilé intérieur, accroché à son radiateur
Quand-quand-quand-quand tombe le mercure


Comentários

  1. "o chá arrefece à espera de palavras"
    Ainda bem que andas a escrever, Manel. :-)

    ResponderEliminar
  2. Manelinho, escreve até que doam os dedos, o chá, esse, pode aquecer-se :-)

    Ah, essa batida Manelinho, nem sabes as palavras que me caem para o chá, antes mesmo de conseguir evitar que se afoguem na saudade.

    Beijinho, afilhado mailindo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. nã sai nada madrinha, nem com uma batida destas tão inspiradora :)
      beijos

      Eliminar
  3. A tua Primavera parece boa a daqui está um bocadinho esquisita não pára de chover.
    Não devias usar os teus poderes em benefício próprio.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. voltei ao trabalho, pelo menos durante uns dois dias e tentarei acertar a primavera...

      Eliminar
  4. O bom escrever está em ti, agora a vontade e as palavras vão e vêm em marés. Quando voltar o barulho haverá novas ideias também =)

    Um bom cházinho e uma boa semana

    ResponderEliminar
  5. Lá por isso não te apoquentes, Cigano....bebe o chá quente e escreve sem normas nem regras... venham daí as palavras e os sabores a beijos molhados pela água da chuva...venham eles, carago!
    :)

    ResponderEliminar
  6. Embora eu não escreva tão bem como aqui se escreve, revi-me completamente numa especie de ingenuidade (e consequente liberdade) de palavras de tempos idos.

    ResponderEliminar
  7. Escreva, escreva...não se esqueça que somos (seus) leitores.
    ~CC~

    ResponderEliminar
  8. Gosto do que escreves. Não esmoreças, vá.

    ResponderEliminar
  9. Olha que as palavras com sabores como raios de sol e gelados de morango também podem ser boas. Pensa nisso, Manel. :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. raios de sol pro raio que os parta... mas gelados, sim, gelados é coisa que eu gosto :)

      Eliminar

Enviar um comentário