segunda-feira, 6 de fevereiro de 2017

Сталкер

O porteiro que nos viu entrar juntos uma vez, diz que a probabilidade de ser divorciada é grande. Sem filhos, acrescenta, ou não ficaria a trabalhar até tarde. Sabe ainda pela senhora que tira os lixos e limpa o chão, que gosta de chocolates da máquina e chá. 

Сталкер ou Stalker,  filme de 1979,  Andrei Tarkovsky

14 comentários:

  1. é outra, cigano?... estou a contá-las...:)
    (toma uns suplementos de vitaminas, não há vísceras que cheguem...)

    ResponderEliminar
  2. um pouco de mistério, e logo um simpático cidadão a desvendar gostos e apetências. menos mal. se calhar...
    boa semana.

    ResponderEliminar
  3. A imagem é deprimente, Manel Mau-Tempo...o filme, não o deve ser menos.

    Isto de se saber pormenores da vida de quem nos acompanha, por uma terceira pessoa, é lixado!!
    Será que essa tua busca incessante da felicidade, não é como a procura de algo utópico, que se esfuma quando se acorda para a realidade? Ai, ai...tu tem cuidado, moço, não te magoes...:)

    Beijos e parabéns.
    ( Gosto tanto destes teus devaneios... )

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. nã são mais que isso, devaneios :)
      beijos Janita, bom dia

      Eliminar
  4. Manel, o porteiro é demasiado básico, na medida em que retira essas primeiras ilações.

    ResponderEliminar
  5. Uma mulher sem filhos e que volta para casa tarde só pode ser divorciada?
    Há lógicas estranhas.
    :)
    Gostei da fotografia.
    Beijos Manel

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. eu escrevi: "diz que a probabilidade de ser divorciada é grande..." nunca escrevi: "só pode ser divorciada"
      vou meter baixa por incompreensão...
      :)
      beijos

      Eliminar
  6. eu não queria espiões desses no meu prédio, cambada de desocupados sem vida própria. odeio gente assim.
    anonima

    ResponderEliminar