sexta-feira, 13 de janeiro de 2017

ensaio

Quando a Brassica oleraceae é infestada pela lagarta da Pieris brassicae, a enzima lítica presente no regurgito da lagarta, provoca a emissão de compostos voláteis por parte da planta, de forma a atrair parasitoides da espécie Cotesia glomerata

Traduzindo: quando a couve é infestada por lagartas de borboleta, antes de desaparecer no estômago da bicha comilona, a planta manda uma mensagem às vespas cujas larvas são predadoras daquela lagarta específica de borboleta. A vespa então insere os ovos dentro da lagarta e depois é tipo cena do Alien, o oitavo passageiro. A planta não tem salvação, mas impede que a borboleta se dissemine para as vizinhas.

Concluindo: é mais fácil a um insecto captar um sinal enviado por uma planta, do que eu entender quais as intenções daquela outra mulher, a que me disse que tinha de sair mais cedo porque tinha ensaio. Desconfio que tenho um problema na captação de sinais. 



34 comentários:

  1. Manel, deu-te uma justificação... qual é a dúvida?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. porquê que me deu uma justificação, essa é a dúvida.

      Eliminar
  2. A couve não pensa, acho eu, reage.
    Pensa-se demais...estragamos tudo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. pensar nã é mais que uma entrada e saída de iões... tudo é acção reação, como a couve.

      Eliminar
    2. então come a couve...quem sabe...

      Eliminar
  3. E os sinais que tu transmites? :))

    (isto sou eu a aumentar o caos)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. se nã os entendo, certamente posso estar a enviar os errados...

      Eliminar
  4. Depois de um texto assim ... tenho que lhe informar, se ainda não souber que, sou sua fã, :)) sr Manel!
    As histórias que ê capaz de ir buscar para chegar ao sítio que deseja! :) Muito bom.
    E hoje é sexta feira!!!! :)

    Bom fim de semana sr Manel.

    ResponderEliminar
  5. O ensaio do cortejo de Carnaval, Manel!
    Ai que tu...sabes tanto sobre a Brassica oleraceae e a infestação causada pela lagarta da Pieris brassicae e não sabes ler nas entrelinhas, valha-te Deus...

    Beijos, Manel!!

    Bom fim de semana.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. nã me ocorreu esse ensaio de todos que me pus a imaginar...
      beijos Maria, bom fim de semana

      Eliminar
  6. Acho que as mulheres que o meu afilhado encontra, não têm entrelinhas, talvez estejam já demasiado escritas, ou só lá vão para deixar os ovos de borboleta ahahahahah

    É 13 é sexta e daí?

    beijinho afilhado

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. demasiado escritas... espero que isso nã seja mau :)
      beijos, aqui também foi sexta

      Eliminar
  7. De onde se conclui que a couve é uma criatura muito vingativa.

    ResponderEliminar
  8. Respostas
    1. quem faz bolos têm o maior de todos os poderes :)

      Eliminar
    2. (para aí trinta pardais na varanda...)

      Eliminar