sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

dumb

Desviava-me dos ramos mais baixos que caiam sobre a estrada com receio de os arrancar na passagem do autocarro de dois andares. Estava perdido, mas como sempre continuava em frente, embalado pelo suave deslizar, na esperança de encontrar um sinal. Era cedo, as nuvens coavam o sol em fios de luz e não se viam pessoas nem outros veículos, só alguns corvos e pegas que se atravessavam em voo rasante. A quantidade de casas na berma começou a aumentar e numa reviravolta típica dos sonhos, havia filas de pessoas à espera que as fosse buscar. Parei o autocarro junto ao passeio, não no início da paragem como seria de esperar, mas junto a um grupo de mulheres que usavam vestidos fora de época, lábios vermelhos, penteados curtos, abrindo as portas de par em par. Elas entravam, e explicavam-me que estava a parar fora da paragem, e eu armado em palhaço dizia que hoje só levava comigo as mais bonitas, e elas riam e batiam muito as longas falsas pestanas. 


Elle 1950





16 comentários:

  1. Bom dia sr Manel, quando a mim é um sonho revigorante! :) Saltando outros pormenores.

    Bom fim de semana, sr Manel!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. sexta-feira e um sonho destes... que dia perfeito! :)
      bom fim de semana senhora Dona Flor, beijos.

      Eliminar
  2. Até para se sonhar é preciso sorte :)
    E qual foi a sensação ao acordar?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. quando se acorda de sonhos destes, nunca é por vontade própria :) mas o dia ficou logo melhor

      Eliminar
  3. Para além de ti, meu afilhado mailindo quinté, eu não conheço ninguém que tanto sonhe, deve ser extenuante, uma cansêra. Como fazes para dormir? Para descansar a sério?

    Bom dia Manelinho :-)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. todos sonhamos, o difícil está em lembrar :)
      talvez esqueça outras coisas para dar lugar aos sonhos... bom dia Madrinha, foi um bom dia, beijos

      Eliminar
  4. Que bonito sonho, e divertido também.
    Aposto que acordou a sorrir.
    É tão bom, quando se têm sonhos agradáveis...:)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. os meus acordares são maus, para condizer com o resto, mas depois fui lembrando do sonho e é sexta e fiquei bem animado :)

      Eliminar
  5. adoro a Elisa, as pestanas, os vestidos e o batôn vermelho.
    e por causa deste post apetecia-me ir ali brincar aos anos 50.

    bom fds

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. também adoro a Elisa, gostava de me casar com ela, mas nã digas a ninguém :)
      bom fim de semana, beijos

      Eliminar
  6. Respostas
    1. as musas tinham as pernocas à mostra e bracitos ao léu... podia ser natal no brasil.

      Eliminar
  7. eu sonhei que estava a dançar na sala da charola, no convento de cristo em tomar. toda a gente dançava. estiveste lá?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. é possível, antes de pegar ao serviço no autocarro de dois andares :)

      Eliminar
  8. Manel, também tenho vestidos à anos 50... Levas-me no autocarro?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. claro que sim, levo-te todos os dias se esperares por mim :)

      Eliminar