quinta-feira, 9 de junho de 2016

avesso



Durante dias não vi nem ouvi ninguém, como se toda a humanidade abalasse da terra em magote e me tivessem deixado para trás, a tomar conta dos pardais. Quando voltei a sentir os dedos da mão direita, ouvi uma porta a bater e saltos martelados na escada. Um pouco mais longe uma buzina, ou um alarme, o cortador de relva cheio. A humanidade voltava. Decidi descer para ver como era, apesar da ausência de sombras na rua e os meus olhos fecharem a cada dois passos, julgando ser tudo um sonho. Voltei depressa à penumbra do prédio, torcido pelo peso da massa suspensa nas asas, alinhavado no ombro por um fio de dor. Subi os degraus em pares nos dedos dos pés, com o ouvido atento, temendo novo encontro com a inquilina do terço. Foi por pouco que quase esbarrei na outra inquilina, a de cima, das estrelas pequenas e voz morna que descia às escuras. Trocamos um olá estranho, como se faltasse alguma sílaba e quando pensei que ela não ia dizer mais nada, voltou atrás e pegando na etiqueta da minha t-shirt disse com meio sorriso.- Estás virado do avesso. 


18 comentários:

  1. A camisola do avesso afasta as bruxas.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. isso explica a ausência da inquilina do primeiro :)

      Eliminar
  2. Pelo menos não saíste à rua assim. :)


    (e de repente, ocorreu-me que os textos são sempre tanta coisa e acaba-se por comentar o mesmo. somos estranhos - ou somos tã-só muuuuito previsíveis. as melhoras :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. o problema... é que sai sim... :)

      ( e de repente, comentar é tão ou mais difícil que escrever :))

      Eliminar
  3. Piovra, isso costuma ser fatal para os polvos, isso do avesso... :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. desconfio que está a ser fatal... em breve, filetes!

      Eliminar
  4. Manel, sabes o que popularmente significa vestir algo do avesso?
    É sinal que a pessoa, neste caso tu, vai receber uma prenda.

    A tua relação com as inquilinas anda complicada?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. uma prenda? sim, é possível, falta pouco para fazer anos :)
      digamos que no que diz respeito às inquilinas, prefiro nã tecer comentários...

      Eliminar
  5. a mulher descobriu o mal de que padeces...

    ResponderEliminar
  6. Não estamos todos sempre meio virados do avesso?

    ResponderEliminar
  7. Eu aviso as pessoas, na rua, quando as vejo nesse preparo. E elas agradecem-me :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. se no mundo houvessem mais Lindas Blue, era tudo tão mais lindo :) e assim quase normal... quase... mas azul.

      Eliminar
  8. Já menos virado do avesso, Manel? :))

    ResponderEliminar
  9. Ca nojo! Virado do avesso... Só tripas e órgãos expostos!!! :p

    ResponderEliminar