sexta-feira, 5 de fevereiro de 2016

wróbel

Eu não tenho uma Dona Aureliana.

Não terei feito por merecer uma Dona Aureliana na minha vida. Tive momentaneamente uma Dona Maria na cantina da escola que se esmerava por erigir everestes de arroz e salada no meu prato. Quando a contagem vinha com engano, Dona Maria sorria assim que me avistava de tabuleiro vazio na linha de montagem. Era dia com dose dupla de carne.
Durante aquele ano, Dona Maria deu-me furos extra no cinto. 

aqui
...isto no seguimento do que escreveu Dom Xilre, Dona Ana, Dona Susana, Dona Palmier, Dom Pipoco, Dona NM, Dona Linda Blue, Dona Loira e Dona Filipa.

32 comentários:

  1. Emagreceste, portanto :) é porque tinhas por onde :)

    Aprendi a dizer pardal!

    Porque tratas toda a gente por Dom e Dona? :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. isto é só para me obrigares a comentar, certo?

      Eliminar
    2. Mas eu até pensei que ias fechar os comentários! Olha e a nossa g?

      Eliminar
    3. eu ia responder, com uma questão, mas depois dizes que te obrigo a responder a comentários. Olha vou comer um pão com queijo que tenho fome :)

      Eliminar
    4. vou jantar, mas agradeço na mesma, apesar de nã teres oferecido :)

      Eliminar
    5. Posso protestar pela música? não pela qualidade, essa não ... :)))

      Eliminar
  2. Finalmente, mais alguém que assume que não teve uma Dona Aureliana :)

    ResponderEliminar
  3. Furos extra? Ups. (acaba já aqui o meu comentário sobre a D. Maria, mudarei já de tema)

    Olha lá, Manel, agora dás-nos música quando entramos?
    O meu primeiro blog tinha música. O que eu me divertia com aquilo principalmente porque irritava os outros. E nunca a tirei, só parou quando enviei o blog para o espaço. :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. é um bocado irritante... agora que falas nisso :/

      Eliminar
  4. Também tenho fome... vim só procurar o meu botão!
    Beijinho:)

    ResponderEliminar
  5. Ah, é uma história que andam a escrever...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. nã será bem, é mais uma homenagem às pessoas que passam na nossa vida e deixam marca :)

      Eliminar
  6. quer então dizer que a dona maria te ajudou a botar corpo :)

    (gosto do teu pardal, é diferente dos meus. deve ser do frio... :) )

    ResponderEliminar
  7. O passarinho é lindo e gosta de torradas queimadas, mas não me parece um pardal, pelo menos não um daqueles que cá temos.
    :-)
    Bom fim de semana, Manel.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. vou colocar anúncio, pode ser que alguém o reconheça :D
      bom fim de semana Susana.

      Eliminar
  8. Eu tenho o Andrhriminr, o cozinheiro Pirata. Mas é um selvagem sádico que odeia toda a gente... Não sei se conta.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. quanto sei Dona Maria podia ser uma serial killer... se ele te trata bem, acho que conta!

      Eliminar
  9. eu tenho a máquina dos chocolates, voluptuosa amarela, nunca se engana, raramente me nega o pedido e nunca me chateia com conversas meladas. uma maravilha. quando lá vou, venho sempre satisfeita e bem mais calminha - uma terapia. uma vez, calhou mesmo dar-me um brinde. ainda olhei em volta, nervosa, para ver se alguem não se lembrava de o ir recuperar, mas ela, Dona Máquina dos Chocolates, astuta e minha amiga, serenou-me os ânimos e no seu silencio percebi que aquele pequeno snickers era oferta de muitos anos de trocas comerciais.

    pronto. eu também tenho! Pffffff....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. coisa boa das máquinas é que nã nos sentimos culpados quando se enganam a nosso favor... por sorte esbarrei numa que tinha uma das filas a fornecer bolos pela módica quantia de 5 cêntimos em vez dos 50... foi um fartote até descobrirem o erro:)

      Eliminar
    2. ahahahahhahahah!

      (abaixo as Donas Aurelianas, viva as Máquinas!)

      Eliminar
    3. Também quero uma coisa dessas. Onde é que isso se compra?

      Eliminar