sábado, 26 de setembro de 2015

bifurcação

A minha vida não é um sonho.
Mas devia ser, já que viajo bastante, faço montes de amigos, não tenho um horário fixo das nove às seis, todas as noites podem ser de farra, não há miúdos para deixar na escola, ou adolescentes para ir buscar à discoteca, posso dormir nu, ou deixar de lavar os dentes e sou praticamente imune a gripes.
Mas nem tudo é tão idílico, às vezes não me entendem e fazem couve no forno a pensar que é o meu prato favorito. Ou pior ainda, termino as frases com rimas, mesmo sem pensar nisso.

Mas ontem um amigo de infância mandou-me uma foto com a filha pequenita ao colo, e pensei em tudo que estou a perder e como é fácil acharmos que os outros levam vidas de sonho. Para mim a vida dele é de sonho. Para muitos a minha vida será de sonho, e não digo que não seja, porque é uma boa vida, atravessado na estrada, à espera que a bifurcação desapareça. 


16 comentários:

  1. Não vidas de sonho. Há, apenas, vidas. Se tiverem gente dentro, se essa gente for boa, serão melhores, as vidas.

    Um abraço com beijinhos repenicados, Manel. :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ele parecia imensamente feliz... eu gostava de ser imensamente feliz.

      Eliminar
  2. Não há vidas de sonho. Há vidas más, menos más, menos boas, boas e muito boas, mas nenhuma é de sonho. Porquê? Porque o ser humano é por essência insatisfeito, se está dentro quer estar fora; se está fora, pensa que bom seria estar dentro.
    Pensa nisso.


    ResponderEliminar
  3. ó cigano de mil raios, tu não tens ideia do quanto é belo aquilo que escreveste :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. com mil raios... pega nos óculos e volta a ler :)

      Eliminar
    2. ó cigano de mil raios, da primeira vez já vim de óculos, que o astigmatismo não perdoa; agora, vejamos bem, miopia é cena que não m' assiste :)

      Eliminar
    3. respondi à pergunta... nã tenho ideia daquilo que escrevo, só sei que é bom escrever. :D Buongiorno Principessa!

      Eliminar
  4. Ó afilhado a senhora tem razão, tu escreves pa carago mas nem nisso tu crês.
    É um Manel muita tóino
    :=))

    ResponderEliminar
  5. Ó afilhado a senhora tem razão, tu escreves pa carago mas nem nisso tu crês.
    É um Manel muita tóino
    :=))

    ResponderEliminar
  6. Ó afilhado a senhora tem razão, tu escreves pa carago mas nem nisso tu crês.
    É um Manel muita tóino
    :=))

    ResponderEliminar
  7. Bom dia príncipe.
    Só tens de ficar atento à estrada!
    Vou de viagem!!
    Beijo

    ResponderEliminar
  8. Respostas
    1. Dzień dobry księżniczka! :D nã peças para soletrar...

      Eliminar