sexta-feira, 14 de setembro de 2012

eel*

A tradição ditava que os homens cuidavam de escolher as noivas para os seus filhos, irmãos, sobrinhos e netos. Aos vinte e oito, muito se conjecturava sobre Taniec não ter pelo menos duas ou três esposas, seleccionadas de outro clã ou tribo, geralmente em tenra idade. Mas Taniec sofrera de uma grave doença quando era jovem, febres altíssimas atiraram-no para as portas da morte. Por recomendação do Xamã não foram escolhidas noivas, em transe profundo apenas disse que a seu tempo o auspicioso cavaleiro tomaria o seu destino nas mãos como as rédeas do cavalo. O pai com receio de ofender Tangri, o Deus-céu, assim fez, e Taniec foi prorrogando a escolha até ao dia em que se cruzou com Hara Nor.

Por alturas de uma festa que se estendeu noite adentro, celebrando a chegada de mais uma concubina ao real harém, Taniec aproveitou a ocasião e pediu autorização ao grande Khan para desposar a criada. Este estranhou o pedido, oferecendo-lhe as mais belas concubinas que o tártaro desejasse.
Grande Khan, eu amo Hara Nor desde que os meus olhos pousaram sobre as suas mãos delicadas, seus negros cabelos, seu olhar rasgado e tímido, seus lábios fechados, botão de cerejeira que leva o Inverno.

O imperador era astuto como uma serpente, e viu ali a oportunidade de usar as qualidades de Taniec em troca de Hara Nor.
Não costumo intrometer-me nos assuntos da corte das minhas esposas, Hara Nor terá um preço caro!
O tártaro que não era tão ingénuo quanto aparentava, imediatamente percebeu as intenções do imperador.
Diz o que queres em troca, nada do que me possas pedir é demais comparado com o amor de Hara Nor. Retorquiu o soldado.
Aí é que te enganas, Tártaro! Também eu amo uma mulher, sua beleza é infinita. Troco uma pela outra, que te parece?
Como assim? Perguntou Taniec. Tens todas as mulheres que possas desejar…
Todas as que não são casadas! Completou o Imperador.
Queres então que torne viúva uma mulher. E em troca Hara Nor será minha esposa?
Isso e muito mais! Prometeu o soberano.

E assim foi, Taniec cumpriu com a parte dele. Nur Jehan, que significava "A luz do Palácio" tornou-se viúva e na mais amada das mulheres dentro do harém. Porém o ciúme é um líquido viscoso, mortal como a ricina, que escoa denso por entre os gentios sem ser visto. Rapidamente as noticias se espalharam, contos a que se acrescentavam pontos, e por toda a corte ouvia-se dizer que a imperatriz jurara vingança!

* montanha em mongol

Sem comentários:

Enviar um comentário