curtir

A pele que cobre as costas das mãos até ao rebordo das unhas decidiu deixar-me e a partida tem sido algo dolorosa. No autocarro duas crateras abriram nos últimos nós dos dedos e o sangue manchou o caderno. Observo indignado. Nem a minha pele me curte. 


Comentários

  1. Curte tanto que se renova para ficar mais lisa e bonita!

    Beijos, Stormy boy :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. se fosse a da cara, ainda me safava :)
      beijos, TUTU!

      Eliminar
  2. a pele é a tua fronteira com o exterior. se tens brechas, ele vai entrar por ti dentro e ocupar todo o teu espaço. ou então, todo tu te esvairás e passarás a existir nas solas dos sapatos que te pisarem nas ruas. deixarás de distinguir o que és tu do que te transcende...vê só... arranja um bocado de betume e tapa esses buracos todos! rápido...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. betume? o que nã falta aqui é betume... vou já besuntar-me com betume... se tu o dizes!

      Eliminar
    2. As gretas apenas. Precisas dos poros para a sentires.

      Eliminar
  3. Experimenta cuidar dela, põe um pouco de creme :)

    ResponderEliminar
  4. Pele curtida... Acho que já não se usa muito.
    Na aldeia dos meus avós, ter a "pele curtida" era sinónimo de trabalhar no campo.

    ResponderEliminar
  5. Luvas e bio oil antes de deitar. O bio oil ou um creme gordo antes de deitar, as luvas usas quando fores à rua. Certo?

    ResponderEliminar
  6. Deixa arder... o que arde cura e o que aperta segura.
    :)

    ResponderEliminar
  7. Olá, Manel,

    Venho desejar-te as melhoras e bom fim-de-semana.

    Se não te importares, como sei que o teu blog é frequentado pela fina flor da sociedade blogosférica, deixava um apelo a quem souber do paradeiro de Mr. Xilre. É que já vai para seis dias que deixou as leitoras a ouvir o SOM DE UM ABRAÇO , e ainda não veio mudar o disco.

    Obrigada e desculpa, Manel.
    Beijos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. já vi que voltou, parece que o teu apelo resultou :)

      Eliminar
  8. Não te indignes, Manel. Há tão boa gente, por aqui, que te curte. ;)

    ResponderEliminar
  9. Deves andar a tratá-la mal e depois queixas-te...

    ResponderEliminar

Enviar um comentário